Prefeitura de Londrina abre cadastro para vacinação

Publicado por

Podem se inscrever a partir da sexta-feira idosos e profissionais e trabalhadores ligados à saúde

Nelson Bortolin

Foto em destaque: Tânia Rego/Agência Brasil

Pessoas com 60 anos ou mais e profissionais e trabalhadores de saúde que atuam em consultórios ou clínicas particulares devem se cadastrar para receber a vacina contra a covid-19 a partir dessa sexta-feira (5), no site da Prefeitura de Londrina. Ainda não há previsão de quando as doses serão aplicadas, mas o cadastro é obrigatório para todos que vão se imunizar.

Com 11.624 doses aplicadas na cidade até a terça-feira (2), segundo o secretário da Saúde, Felippe Machado, a vacinação está sendo concluída entre os profissionais que atuam nos grandes hospitais da cidade. E também entre idosos que vivem em asilos e trabalhadores dessas instituições.

O secretário concedeu entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira (3) para explicar como serão os cadastros.

Além das pessoas com 60 anos ou mais, poderão se inscrever a partir da sexta-feira os profissionais de saúde como dentistas, psicólogos, enfermeiros, fisioterapeutas, doulas, que atuam fora da rede hospitalar. E ainda trabalhadores em saúde como secretárias de consultório, balconistas de farmácia.

Também podem se cadastrar os cuidadores de idosos e de pessoas com deficiência. “Os cuidadores terão de vincular seus cadastros com o CPF da pessoa que cuida”, explicou o secretário. Poderão ser inscritos dois cuidadores por pessoa cuidada.

O secretário da Saúde, Felippe Machado – Foto Emerson Dias (PML)

Londrinenses com menos de 60 anos que têm comorbidades e estão nos grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde ainda não podem se inscrever. A Prefeitura está estudando como será feita a comprovação dessas comorbidades.

Clique aqui para acessar o Plano Nacional de Imunização e conhecer os grupos prioritários.

Idosos que não conseguem fazer o cadastro sozinhos e que não tenham alguém para ajudá-los nessa tarefa poderão se dirigir às escolas municipais a partir da segunda-feira (8). “As equipes da Secretaria da Educação estão aptas para receber esse idoso, fazer o cadastro, imprimir o comprovante para ele”, explicou Machado.

O secretário reforçou que haverá uma hierarquização das pessoas inscritas no cadastro, começando com as que têm mais de 80 anos, conforme as doses sejam enviadas para Londrina pelo governo estadual ou federal. E que ainda não é possível saber quando as vacinas serão aplicadas. Um quarto lote de doses deve chegar a semana que vem na cidade.

Quando houver vacina disponível, os cadastrados vão começar a receber mensagens de SMS os convidando para entrar no site da Prefeitura novamente e fazer o agendamento da vacina. “Na véspera (da data agendada), um novo SMS será enviado para lembrar a pessoa”, disse o secretário.

TESTE

Neste sábado, das 9 horas às 18 horas, a Secretaria Municipal de Saúde irá realizar um teste para a vacinação em massa na SuperCreche, no centro da cidade. Serão vacinadas 900 pessoas pré-selecionadas nos hospitais especializados da cidade.

NOVAS MORTES

Nesta quarta-feira, foram confirmadas outras seis mortes por covid-19 em Londrina. São pessoas com idade entre 45 e 74 anos. No total, desde o início da pandemia, são 499 óbitos e 31.408 casos. Há 118 pessoas internadas na cidade, sendo 49 em UTIs.

Deixe uma resposta