HU explica ‘sumiço’ de leitos de enfermaria covid

Publicado por

Cinquenta leitos extras continuam existindo, mas são usados conforme a necessidade

Cecília França

Foto em destaque: Hospital de Retaguarda do HU-UEL/Divulgação

Postagens nas redes sociais feitas ao longo da semana questionaram o “sumiço” de 60 leitos de enfermaria exclusivos para covid-19 em Londrina. De acordo com o boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde, a oferta já foi de 130 leitos, 140, 156, e hoje está em 96. O Hospital Universitário (HU) explica, no entanto, que 50 leitos extras continuam existindo, mas não são exclusivos para pacientes covid.

“O número de leitos disponibilizados levou em consideração a capacidade institucional, haja vista que, para garantir seu funcionamento é necessário, além da estrutura física, infraestrutura de recursos humanos, materiais e equipamentos”, explica a instituição em nota à imprensa.

Os leitos covid disponibilizados no HU encontram-se assim discriminados: 66 de UTI Adulto; 14 de UTI pediátrica; 96 de enfermaria exclusivos e 50 não exclusivos. Uma fonte ligada ao hospital disse à Lume que a possibilidade de manejamento desses leitos entre pacientes de várias enfermidades é que tem evitado o colapso no hospital.

A opção por não incluir os 50 leitos extras no cálculo de ocupação veiculado pelo boletim epidemiológico ocorre, de acordo com o HU, pelo fato de estes não serem exclusivos. A direção acrescenta:

“A mudança dos valores relativos ao número de leitos de Retaguarda Clínica COVID foi necessária, tendo em vista uniformizar as informações veiculadas nos diferentes relatórios e documentos oficiais, que versam sobre os indicadores de ocupação da capacidade instalada, bem como, frente à impossibilidade do HU-UEL em manter o atendimento exclusivamente para a população COVID, conforme estabelecido no início da Pandemia. Cabe salientar que esta foi uma decisão do Comitê de Crise do município, o qual é composto por gestores das instituições de saúde e autoridades sanitárias de Londrina.”, finaliza a direção.

No último fim de semana, a enfermaria covid do HU chegou a 110% de ocupação e as UTIs a 96%. A ocupação total das unidades de terapia intensiva, no entanto, é mais baixa porque a prefeitura tem outros 40 leitos da modalidade contratados junto ao Hospital do Coração.

De acordo com o boletim publicado ontem, 98% dos 96 leitos de enfermaria estavam ocupados em Londrina e isto significa que há apenas duas vagas livres. Caso ocupadas, o HU inicia o uso dos 50 leitos extras.

Um comentário

Deixe uma resposta