Regional de Londrina deve receber amanhã 6.320 doses da Coronavac

Publicado por

Cecília França, com informações da AEN

*Atualizada às 11h05

Foto em destaque: Isaac Fontana

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) iniciou ontem, por Cascavel, a distribuição de novo lote de 67.260 doses da Coronavac enviado pelo Ministério da Saúde. A 17ª Regional de Saúde vai receber 6.320 doses da vacina produzida pelo laboratório Sinovac em parceria com o Instituto Butantan nesta sexta-feira (05). Para Londrina serão destinadas 3.800 doses destinadas a idosos com mais de 80 anos.

Londrina vacinou até o momento, de acordo com a última atualização da Secretaria Municipal de Saúde, 25.835 pessoas com a primeira dose e 8.015 com a segunda dose. Já foram aplicadas tanto doses da Coronavac quanto da Oxford AztraZeneca. O período entre as aplicações da primeira e da segunda doses é diferente entre os dois imunizantes, cerca de 25 dias para o primeiro e até três meses para o segundo.

Nem todos os idosos e profissionais de saúde (integrantes do primeiro grupo prioritário) foram vacinados até o momento. Em relação ao primeiro grupo, o município está imunizando aqueles com mais de 80 anos, mas as doses se esgotaram ontem. “Conseguimos avançar de forma muito rápida e muito ágil. Ainda assim vão ficar alguns idosos que estão dentro do critério, já tiveram seus cadastros validados mas não conseguiram agendar por conta disso”, disse o secretário de saúde, Felippe Machado, nesta semana.

Quantidade de doses por município. Fonte: 17a RS

O prefeito, Marcelo Belinatti, confirmou na terça-feira que a cidade vai integrar um consórcio público de municípios que pretende comprar vacinas e insumos em caso de inércia do Governo Federal. A possibilidade surgiu após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) autorizando a ação de estados e municípios.

“A cidade de Londrina foi uma das primeiras que assinou junto ao Instituto Butantan a possibilidade de compra de vacinas. Agora, tão logo surgiu essa nova possibilidade, a prefeitura de Londrina, alinhada com a Frente Nacional de Prefeitos, também já está compondo esse consórcio com a finalidade de possível aquisição de vacina”, reforçou o secretário.

O consórcio trabalha com a possibilidade de aquisição de 10 vacinas: Coronavac, Ozford/AztraZeneca, Covaxin, Moderna, Janssen, Novavax, Sputnik V, Soberana 2, Sinopharm e Pfizer/BioNTech.

Distribuição no Estado

Veja quantas doses cada Regional vai receber:

1ª RS – Paranaguá – 1.350 doses

2ª RS – Metropolitana – 16.420 doses

3ª RS – Ponta Grossa – 2.800 doses

4ª RS – Irati – 840 doses

5ª RS – Guarapuava – 2.010 doses

6ª RS – União da Vitória – 890 doses

7ª RS – Pato Branco – 1.390 doses

8ª RS – Francisco Beltrão – 2.110 doses

9ª RS – Foz do Iguaçu – 1.790 doses

10ª RS – Cascavel – 8.760 doses

11ª RS – Campo Mourão – 2.260 doses

12ª RS – Umuarama – 2.110 doses

13ª RS – Cianorte – 980 doses

14ª RS – Paranavaí – 1.890 doses

15ª RS – Maringá – 5.030 doses

16ª RS – Apucarana – 2.460 doses

17ª RS – Londrina – 6.320 doses

18ª RS – Cornélio Procópio – 1.770 doses

19ª RS – Jacarezinho – 1.880 doses

20ª RS – Toledo – 2.450 doses

21ª RS – Telêmaco Borba – 820 doses

22ª RS – Ivaiporã – 930 doses

TOTAL – 67.260 doses.

Deixe uma resposta