A dolar bill…

Publicado por

Por Antonio Rodríguez*

Um assassino em série
Uma tentativa de homicídio malsucedida
E de repente temos 520 mil mortos
Ao custo de 1 dólar por vida
Parece um roteiro mal escrito
Um filme cujo ingresso não vale a pena
Um livro
Cujas árvores cortadas para fazê-lo
Não foram honradas com as palavras contidas
Em seus restos de celulose processada.

Mas é o Brasil
2021
2 de Julho
O horário que você, leitor, quiser por obséquio por me informar.

O Brasil se perdeu no roteiro
Nem o escritor sabe mais o que acontece

O Messias se perdeu no personagem
Ou decidiu assumir sua verdadeira pele dentre as outras 7
Um simples passeio de bicicleta
Derruba e condena um país
Pôr à venda as vidas de um país
Sequer é motivo para prisão
Malabarismo não é mais atividade circense
Agora é apelido pro discurso do presidente
Ignorância virou uma benção
Desinformação pauta discurso e plano de governo
Ciência virou opinião
E opinião é o novo artigo cientifico.

É cada notícia no telejornal
Que não nos surpreendemos mais
Afinal
“É só mais uma”
E foi nesse pique
Que se foi “só mais uma” vida
Que “só mais uma” infração passou impune
Que “só mais uma” vida preta foi tirada
Que “só mais uma” pessoa LGBT caiu morta
Que “só mais uma” notícia ruim
Virou só mais uma notícia
E nós seguimos com a vida
Como se nada mudasse
Como se as pequenas ideias revoltosas em nossa mente
Fossem capazes de assassinar um presidente.

É isso senhoras e senhores, sua vida está à venda, e custa exato 1 dólar. Mas me responda uma dúvida: Se você vendesse sua vida hoje, o que você compraria com seus 5 reais?

*Antonio Rodríguez, 18, estudante e poeta nas horas vagas (e algumas ocupadas também). Apaixonado pela vida, faz o máximo para transformar tudo em poesia. Mantém o Instagram @a.poetizando.me

Deixe uma resposta