Rede Lume está de ‘cara’ nova

Publicado por

Reformulação da logomarca e do site atendem novos anseios da nossa equipe de jornalistas independentes

Da Redação

A Rede Lume de Jornalistas acaba de estrear nova logomarca e novo layout em sua página. Se você está aqui, também já percebeu que o endereço do site mudou, agora somos www.redelume.com.br As mudanças, pensadas de modo coletivo com apoio do designer Victor Hugo Faria, que abraçou nossa causa, atendem a uma nova fase da Lume em seu próposito de profissionalização dentro do jornalismo independente.

Nossos editores – Cecília França, Mariana Guerin e Nelson Bortolin – entendem o jornalismo, sobretudo, como uma forma de dar luz a temas invisibilizados e de fazer ecoar vozes silenciadas. Em 2019, quando a semente da Lume foi plantada, naquela ocasião com a participação de outras duas colegas (Érika Pelegrino e Mie Francine Chiba) havia uma inquietação de todos com os malefícios das fake news e os ataques aos direitos humanos.

As conversas prosseguiram e a equipe entendeu que a defesa de direitos era um ponto comum de luta para todos. Com essa ótica temos desenvolvido nosso trabalho, com o reforço de um quadro incrível de colunistas. Conheça:

Paula Vicente e Rafael Colli assinam “Precisamos falar sobre direitos humanos”, quinzenalmente, às segundas-feiras;

Régis Moreira assina “Fruir a vida entre as poéticas de (re)existência”, quinzenalmente, às terças (ou quando ele achar necessário);

Carlos Monteiro, nosso carioca, assina “Olhar sobretudo”, semanalmente, às quartas;

Ana Maria Alcantara estreia hoje e assina “Intetectualidades Pretas”, quinzenalmente, às quintas;

Antonio Rodríguez assina “Poesia e papo reto”, semanalmente, às sextas;

Mariana Guerin assina “Bocados de Histórias”, quinzenalmente, aos sábados.

Trabalhando de forma independente a Lume pretende lançar em breve uma campanha de financiamento coletivo, pois entende que seus leitores são os maiores interessados no trabalho desenvolvido pelo site. É verdade que não recorrer à lógica habitual de patrocínios por publicidade (oficial ou não) dificulta a manutenção do trabalho, mas nossa equipe enxerga este como um requisito essencial para a garantia da independência editorial.

Acompanhe que novidades vêm aí!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s