Podcast lembra obra de Rique Bernardi

Publicado por

Diretor teatral londrinense, morto em 2014, trabalhou com grupos da terceira idade

Da redação

Estreia nesta sexta-feira (1º de abril) o podcast “Não te esqueças de mim”, uma série sobre o teatro experimental de João Henrique Bernardi com idosos. Dividido em quatro episódios, o podcast documental conta a trajetória dos projetos Companhia de Theatro Fase 3 e da Casa das Fases, dirigidos por um dos mais inventivos e talentosos diretores do teatro paranaense, cujo trabalho com pessoas na maturidade conquistou a admiração de Eugênio Barba, diretor do grupo Odin, da Dinamarca, um ícone do teatro mundial.

Rique, como era conhecido, encerrou sua carreira precocemente, ao morrer no dia 1º de outubro de 2014, aos 46 anos, vítima de câncer linfático. Porém, a história que construiu em quase 30 anos como produtor cultural rendeu reconhecimento, premiações e sete turnês pela Europa.

A série de podcast traz um levantamento histórico, através de pesquisas e depoimentos de 17 pessoas que trabalharam e conviveram com Rique. Na lista estão as atrizes Carmem Mattos, Lilian de Lucca, Rosa Galindo e Julia Mattos Bahls (que participaram da Casa das Fases); o assistente de direção do grupo, Fabrício Borges; a figurinista e atriz Ella Mello; os atores convidados Devanil Girotto, Maria Fernanda Coelho, Darwin Rodrigues e Donizete Buganza; o preparador vocal Carlos Beckner, a jornalista Célia Musilli, o produtor cultural Valdir Grandini, a bibliotecária Sueli Bortolin, além dos representantes do Odin Teatret da Dinamarca, Eugênio Barba e Julia Varley, e da produtora Luciana Bazzo, ex- integrante da companhia dinamarquesa.

O nome da série documental – “Não te esqueças de mim” – é inspirado em um desejo do próprio Rique, de que sua obra não fosse esquecida.

“Toda essa história foi fartamente registrada em áudios, entrevistas de jornais e vídeos. Porém, faltava a sistematização de uma narrativa sobre o que foi e o que representa a obra de João Henrique Bernardi para a cena teatral brasileira. Na forma de podcast, uma mídia em alta e de fácil consumo, acreditamos que esse trabalho fantástico do Rique poderá ser conhecido por muito mais gente e, quem sabe, resgatado e replicado por novos artistas”, argumenta a equipe do Jaboticaba Cast, coletivo londrinense responsável pela realização do projeto.

“Não te esqueças de mim” conta como um grupo que começou timidamente no Sescem Londrina, em 1986,setornou uma companhia de teatro independente com reconhecimento internacional.

Porém, muito além dos prêmios conquistados, a série quer mostrar como o trabalho da Casa das Fases impactou a vida de mulheres idosas que passaram pela companhia ao longo de quase três décadas. Várias já faleceram, mas a equipe de produção conseguiu o depoimento de algumas representantes do grupo, que não esquecem a experiência vivida.

“Quando eu vi, eu estava fazendo teatro. E o teatro entra nas veias da gente de um jeito que a gente fica louca. Não dá vontade de largar mais. É maravilhoso! Simplesmente maravilhoso!”, diz a atriz Lilian de Lucca, 86 anos.

“De uma mulher simples como eu, que só cuidava dos filhos, da casa, o teatro pra mim parece que abriu uma porta diferente”, reflete Carmen Mattos, 90 anos.  

“Não te esqueças de mim” tem patrocínio do Promic (Programa Municipal de Incentivo à Cultura) da Prefeitura de Londrina e foi idealizado e realizado pelo Jaboticaba Cast, coletivo formado por quatro profissionais de comunicação e produção musical de Londrina: Christina Mattos, Francismar Lemes, Gisele Mendonça e Luciano Galbiati.

A série ficará disponível nas principais plataformas de streaming (Spotify, Anchor, Google Podcasts, entre outros), no canal do Jaboticaba Cast.

Deixe uma resposta