Londrina sedia debate sobre intolerância religiosa neste domingo

Publicado por

Aberta ao público, ação será no Terreiro Manoel de Umbanda, às 17 horas, e integra o projeto “A Umbanda na Terra do Café: entre Trajetórias e Histórias para Construção da Tolerância”

Da Redação

A intolerância religiosa será tema de um debate, no próximo domingo (7), como parte do projeto “A Umbanda na Terra do Café: entre Trajetórias e Histórias para Construção da Tolerância”, que tem patrocínio do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic).

O evento começa às 17 horas, no Terreiro Manoel de Umbanda, na Rua Capitão João Busse, 96, no Jardim Califórnia, em Londrina. A entrada é franca.

Participarão da discussão a Mãe Josi de Yemanjá, o Pai Sena de Ogum e a professora e produtora cultural Chris Vianna, idealizadora e coordenadora do projeto. A Rede Lume publicou uma matéria no lançamento do projeto, realizado em fevereiro. Leia aqui.

“A atividade deste domingo não se propõe à catequização, mas, sim, fomentar a formação cidadã. Ou seja, promover conhecimento e reflexão do público a respeito da intolerância religiosa e da umbanda”, explica Chris.

O projeto “A Umbanda na Terra do Café: entre Trajetórias e Histórias para Construção da Tolerância” foi lançado em fevereiro e compreende também a publicação de um livro, com textos do escritor e dramaturgo londrinense Maurício Arruda Mendonça, fotos de Yashiro Yamazu, além da produção de um documentário, sob direção do cineasta Carlos Fofaun.

O evento deste domingo é um dos 15 debates e palestras em terreiros, escolas de capoeira e no Centro de Letras e Ciências Humanas da UEL previstos pelo projeto, que direciona-se também ao público jovem e alunos do Ensino Médio.

A realização é da Atrito Arte Artistas e Produtores Associados (AARPA), em parceria com o Laboratório de Estudos sobre Religiões e Religiosidades (LERR), do Centro de Letras e Ciências Humanas (CLCH).

Leia também:

Premiação exalta potência das mulheres negras

Deixe uma resposta